sorrisos:
De MJ a 27 de Julho de 2007 às 21:29
Nem eu sei explicar a dor de te sentir assim. SÓ SEI QUE TE AMO, QUE TE AMO.
Por vezes sinto os teus poemas como meus.
Bjs da MQ


De Margarida Nascimento a 7 de Agosto de 2007 às 21:35
nada se resolve com gritos


Comentar post